Cabeceira, prateleira ou mesa

Então, gente. Senta que lá vem a história.

“Quando compramos a casa ganhamos de ‘brinde‘ os armários da cozinha e a cabeceira da cama. Só que o planejamento do quarto deles era diferente e tinha 1 placa de madeira sobrando na cabeceira. Eu havia guardado a tal placa.

Um belo dia, antes da reforma do quarto e do escritório, resolvi colocá-la de prateleira ao lado da cama. Daí, nas reformas ela ficou largada dinovo. Porque era mesmo só gambiarra emergência.

Daí que um dia tive um siricutico desses que a gente tem de vez em quando. Resolvi mexer no quarto de Gabi. Tava tudo meio sem lugar direito, ela tá crescendo e precisando de mais espaço.

Peguei uma cômoda que estava lá no terraço com as coisas de artesanato e coloquei no quarto dela para fabricar mais espaço, até que um dia … eu possa mandar fazer os armários dela e dar esses móveis amarelos cafoninhas pra alguém que precise.

Então me dei conta que a mesinha que ela usa pra pintar e fazer dever de casa só servia até ela completar 2 anos, e a bunita tá com 5 aninhos. Foi nessa hora que me lembrei da madeira-cabeceira-prateleira e resolvi fazer uma mesa maior pra ela !!!!”

Deu nisso aí, ó: 

Veja as placas na cabeceira. ANTES da reforma ela – a placa que sobrou – foi usada aí (emergêcia total-geral, só pra ter onde colocar o rádio relógio rs)

Agora olha a mesinha que a coitada da minha filha estava usando … a azul lá debaixo da janela.
Vê se não melhorou o espaço com a tal cabeceira-prateleira-atual-mesa ?

Agora tô procurando uma cadeira bem munitinha pra colocar no lugar dessa amarela.

Bitocas !

Uma festa, uma decoração…

Amigas,

Neste FDS participei uma festa lá em Conrado – MP, onde minha mãe mora. Digo “participei” porque dei uma ajudinha na arrumação, sob supervisão do aniversariante, que aliás é uma pessoa de muito bom gosto, e do Leo, que é decorador profissional.

A festa aconteceu na casa de vizinhos-amigos, pessoas que amamos muito … apesar de pouco tempo de convívio. Essas coisas não se explicam, né?

Pois é, a casa não está totalmente pronta ainda. Há coisas a serem terminadas no quintal, piscina, etc. Mas isso não foi impedimento para que o aniversariante, o Emerson, tivesse visão de águia e conseguisse enxergar o potencial do lugar.

Com a ajuda de Leo Lopes, o decorador … conseguiram preparar coisas lindas. E com coisas muito simples!

Velas em potinhos de vidro penduradas à árvore, flores e muito bom gosto. Dá uma olhadinha e me fala se não ficou bem legal.

Cada detalhe um carinho …
Quase tudo pronto

Olha que charme…
Essa idéia de usar essa gavetinha pra por os doces ficou excelente!
As garrafas com as tulipas estavam nas mesas dos convidados
Doces e mais doces …
Os doces estavam deliciosos ! hummm
Luxo esse puff grande e essas almofadas, né?

Teve música ao vivo e barman, que ficaram à beira da piscina ! Esqueci de tirar foto desses dois … vou ver se consigo com o aniversariante e posto aqui depois.

E aí a gente foi aproveitar a festa, né?

Balcão onde foi servido o jantar

Viu como dá pra transformar um lugar com poucas coisas?

Gostou da decoração?  Me conta tudo …

Bjo

Borboletas no quadrinho

Daí que, pra compor um look com a prancheta e os porta-lápis de bolinhas, fiz esse quadrinho.

Usei grampeador de tapeceiro para forrar a tela, e o paninho veio naquele kit que mostrei.

As borboletas aprendi no blog da Rejane, o Casa Corpo e Cia, neste post AQUI. Mas a técnica de copiar o molde sem usar a impressora aprendi com a Margaret ! Rá. E o método é esse AQUI.

Bem, esse post é quase uma enrolação porque ainda não arrumei o escritório e aí distraio vocês com essas borboletinhas fofas.

Um simples papel branco
Vira uma borboleta fofa

Estou pensando em dar uma enfeitada nesse quadrinho, mas bem de leve … talvez uns botões … sei lá. Mas quando eu fizer o post do escritório arrumadinho, vc vai ver, tá?

Aguarde cenas dos próximos capítulos da novela “O Escritório” (com voz de locutor).

Bjo